[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]
DIRETO DO BLOG
A Economia Circular no Cenário do COVID-19
DIRETO DO BLOG
Chemical Leasing,
um olhar na Química Verde e na Sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
Chemical Leasing,
um olhar na Química Verde e na Sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

DIRETO DO BLOG
O Setor de Borracha na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Políticas públicas voltadas para Economia Circular:
Um olhar sobre as experiências na Europa e na China
DIRETO DO BLOG
Iniciativas de Economia Circular na Indústria do Aço
DIRETO DO BLOG
Potencial do Biogás no Gerenciamento de Resíduos
e Sua Inserção na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Cadeias Produtivas e Governança
no Contexto da Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Uma Visão dos Modelos de Negócios Circulares
DIRETO DO BLOG
Princípios, perspectivas e aplicação
do Chemical Leasing nos processos
de produção visando a sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
A Economia Circular Além dos Horizontes
DIRETO DO BLOG
Logística Reversa na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
A Simbiose Industrial além das fronteiras
previous arrow
next arrow
Slider

Soluções da Dow se destacam nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sóchi

Os Jogos Olímpicos de Inverno de Sóchi, que ocorrem de 7 a 23 de fevereiro, às margens do Mar Negro, contaram com as tecnologias e inovações da Dow. Desde os locais da competição à infraestrutura da cidade até as tecnologias que mitiguem as emissões de gases de efeito estufa, a Dow entra no seu 40º ano na Rússia com orgulho de ter um papel crucial para ajudar a permitir o sucesso dos primeiros Jogos Olímpicos de Inverno da história do país.

Segundo George Hamilton, vice-presidente das Operações Olímpicas da Dow, essas contribuições da Dow como Parceiro Olímpico Mundial são únicas e incomparáveis. Através da experiência, abrangência e inovação, a empresa estaria em posição privilegiada para ajudar a cidade sede com as necessidades mais desafiadoras, proporcionando jogos mais sustentáveis e com melhor desempenho. Suas soluções e tecnologias ajudam a melhorar a experiência olímpica para a cidade-sede, atletas e fãs de todos os lugares no mundo, tanto no campo de jogos quanto no dia-a-dia.

Os produtos e tecnologias da empresa estão presentes em todos os locais de competição do Parque Olímpico de Sóchi – o Cluster do Litoral: no hóquei, na patinação de velocidade, patinação artística, nas arenas de curling, e no Estádio Olímpico de Fisht, palco da abertura e encerramento; bem como dois dos cinco locais de competição no Cluster da Montanha (centros de sliding e de saltos de esqui).

As soluções da Dow também permitiram melhorias de infraestrutura que tomaram forma em Sóchi e em torno da região, com produtos e tecnologias que vão desde fiações e cabos, de tubulações a revestimentos, de sistemas de poliuretano e plásticos sendo utilizados nos Clusters da Montanha, do Litoral, em hotéis, em usinas de energia e em ferrovias.

Não obstante, os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi 2014 são os primeiros Jogos da história a mitigar toda a pegada de carbono direta de seu Comitê Organizador antes da Cerimônia de Abertura. Como Parceiro Oficial de Carbono de Sochi 2014, desde março de 2013, a Dow tem trabalhado com seus clientes na Rússia implementando tecnologias de eficiência energética e baixo carbono nas área de infraestrutura, indústria e agricultura em diferentes regiões do país.

As reduções das emissões de gás de efeito estufa (GEE), geradas até o momento pelo programa pioneiro “Futuro Sustentável”, foram comprovadas por especialistas internacionais da ERM, que confirmaram que os resultados mais que excederam a pegada de 360.000 toneladas métricas de CO2 equivalente – a pegada de carbono direta estimada dos Jogos.

De acordo com Thomas Bach, presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), a Dow é líder global na indústria química e reconhecida por sua inovação, que oferece soluções sustentáveis para a melhoria dos locais de eventos e da infraestrutura da cidade. Ele afirma ainda que, como a Companhia Química Oficial dos Jogos Olímpicos, a Dow continuará a desempenhar um papel significativo no apoio à visão de longo prazo do COI em relação à sustentabilidade nos Jogos Olímpicos.

Fonte: MAXIQUIM – www.maxiquim.com.br

REDES SOCIAIS_