[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]
DIRETO DO BLOG
A Economia Circular no Cenário do COVID-19
DIRETO DO BLOG
Chemical Leasing,
um olhar na Química Verde e na Sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
Chemical Leasing,
um olhar na Química Verde e na Sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

DIRETO DO BLOG
O Setor de Borracha na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Políticas públicas voltadas para Economia Circular:
Um olhar sobre as experiências na Europa e na China
DIRETO DO BLOG
Iniciativas de Economia Circular na Indústria do Aço
DIRETO DO BLOG
Potencial do Biogás no Gerenciamento de Resíduos
e Sua Inserção na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Cadeias Produtivas e Governança
no Contexto da Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Uma Visão dos Modelos de Negócios Circulares
DIRETO DO BLOG
Princípios, perspectivas e aplicação
do Chemical Leasing nos processos
de produção visando a sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
A Economia Circular Além dos Horizontes
DIRETO DO BLOG
Logística Reversa na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
A Simbiose Industrial além das fronteiras
previous arrow
next arrow
Slider

Novas tendências para a industria automotiva indicam o uso de impressoras 3-D

As indústrias automotivas vem investindo em estudos que viabilizem o uso de impressoras 3-D para a fabricação de componentes. Uma start up de impressão 3D, a Carbon3D, vem atuando em conjunto com a Delphi Automotive em busca de novos clientes para as soluções em impressão em 3 dimensões. A General Eletric também já começa a usar impressoras 3D para fabricar ponteiras de bombas de combustível.

Atualmente a fabricação de uma peça nova é muito onerosa, pois para sua fabricação diversos testes precisam ser feitos e existe todo o projeto de injetoras ou extrusoras que demandam tempo e dinheiro, além de todo o resto da linha de produção que precisa ser adaptado para o novo modelo de peça.

Ainda com pequeno volume de produção, as impressoras 3D prometem substituir todo esse custo nos próximos anos. Pelo menos essa é a proposta de Start Ups como a Carbon3D que já contam com o apoio das grandes montadoras que apostam no avanço da tecnologia.

Fonte: MaxiQuim

REDES SOCIAIS_