[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]
DIRETO DO BLOG
A Economia Circular no Cenário do COVID-19
DIRETO DO BLOG
Chemical Leasing,
um olhar na Química Verde e na Sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
Chemical Leasing,
um olhar na Química Verde e na Sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

DIRETO DO BLOG
O Setor de Borracha na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Políticas públicas voltadas para Economia Circular:
Um olhar sobre as experiências na Europa e na China
DIRETO DO BLOG
Iniciativas de Economia Circular na Indústria do Aço
DIRETO DO BLOG
Potencial do Biogás no Gerenciamento de Resíduos
e Sua Inserção na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Cadeias Produtivas e Governança
no Contexto da Economia Circular
DIRETO DO BLOG
Uma Visão dos Modelos de Negócios Circulares
DIRETO DO BLOG
Princípios, perspectivas e aplicação
do Chemical Leasing nos processos
de produção visando a sustentabilidade
DIRETO DO BLOG
A Economia Circular Além dos Horizontes
DIRETO DO BLOG
Logística Reversa na Economia Circular
DIRETO DO BLOG
A Simbiose Industrial além das fronteiras
previous arrow
next arrow
Slider

Azul e Avianca passam para próxima fase em negociação para compra da TAP

Consórcio liderado pelo empresário português Miguel Pais do Amaral saiu das negociações por não cumprir ‘exigências legais’
Os empresários David Neeleman, fundador da brasileira Azul Linhas Aéreas, e Germán Efromovich, dono da AviancaTaca Holding, passaram para a próxima fase de negociações com o governo de Portugal para comprar uma fatia majoritária na operadora portuguesa TAP.
Ficou para trás um consórcio liderado pelo empresário português Miguel Pais do Amaral, segundo informou o secretário de Transportes, Sergio Monteiro, em entrevista à imprensa. O secretário não forneceu detalhes sobre as ofertas, mas disse que a feita por Pais do Amaral não cumpria certas exigências legais.
Essa é a segunda vez em três anos que o governo português tenta vender a deficitária e altamente endividada empresa aérea. Portugal tentou vender a TAP em 2012, mas descartou os planos depois de o único interessado – Efromovich – não atender condições financeiras para um acordo.
Na ocasião, Efromovich, por meio do Grupo Synergy, que controla a Avianca, ofereceu 39 milhões de euros (US$ 43,4 milhões) por 95% da TAP, mais uma injeção de capital de 316 milhões de euros, e aceitou assumir 1,1 bilhão de euros em dívida da companhia.
Desta vez, o governo português está oferecendo até 66% da companhia – 61% para investidores e o restante para os funcionários.

Fonte: O Estado de São Paulo / Brazilian Pharma Solutions

REDES SOCIAIS_